Envie seu whats:
(54) 99664-0955

MEGA NEWS


Conheça os nomes de bebê mais utilizados no Brasil em 2018Conheça os nomes de bebê mais utilizados no Brasil em 2018

Publicado em 15/12/2018, Por Bebe.com

Miguel e Helena. Eis a dupla que lidera o ranking de nomes de bebês nascidos no país esse ano. Está é a décima edição da lista, divulgada desde 2009 pelo BabyCenter, plataforma internacional composta por um portal e o aplicativo Minha Gravidez e Meu Bebê Hoje – os dados usados na pesquisa vêm do serviço gratuito.

O escolhido masculino não é nenhuma novidade. Miguel domina o pódio pelo 8º ano consecutivo. Já Helena desbancou Alice, que há 3 anos era o nome mais escolhido pelos pais brasileiros. O nome Enzo, que virou até meme nos últimos anos de tão popular, caiu nove posições e ocupa agora a 19ª colocação na lista.

Veja os destaques de acordo com o sexo do bebê.

 

Nomes de menino mais populares

Arthur é o segundo nome mais utilizado no país, a mesma posição que tinha ano passado. Já Bernardo, que ficou em terceiro lugar em 2017, foi substituído por Heitor. Davi, o clássico rei bíblico, completa o top 5. Henrique, Isaac, Benício, Vicente, Gael, Noah e Enrico, apesar de não estarem ainda entre os dez mais, apresentaram forte alta esse ano. Outro destaque é Tomás, que subiu mais de 20 posições no ranking.

Algumas destas escolhas parecem ter influência das celebridades. Enrico é o nome do primeiro filho de Karina Bacchi. Com um ano de vida, o menino já é um influenciador digital e faz muito sucesso nas redes sociais. Já Benício é um dos três filhos dos apresentadores Angélica e Luciano Huck.

Para 2019, além dos nomes já em ascensão, o site aposta no crescimento de Valentim – em parte por conta da série Os Valentins, exibida pelo canal Gloob, parte por conta do personagem interpretado por Danilo Mesquita na novela Segundo Sol. Melinda e Theodoro, o casal de Michel Teló e Thais Fersoza, estrearam no ranking e provavelmente ganharão mais força no ano que vem.

Veja os dez primeiros colocados:

1. Miguel

2. Arthur

3. Heitor

4. Bernardo

5. Davi

6. Théo

7. Lorenzo

8. Gabriel

9. Pedro

10. Benjamin

 

Nomes de menina mais populares

Além da troca na liderança, Laura e Manuela substituíram Sophia e Valentina nas primeiras posições. Na análise do site, é um sinal de que esses dois nomes, tão populares nos últimos anos, estão aparentando “cansaço”, assim como outros que antes eram sucesso de público, como Maria Eduarda e Beatriz, que caíram para 18º e 21º lugares, respectivamente. Por outro lado, Cecília e Eloá estão subindo, assim como Maitê, Maria Helena, Aurora, Clara, Mirella, Maria Vitória e Ana Vitória, que ganharam mais de dez colocações no ranking.

Aqui também provavelmente há influência dos famosos. Anavitória é uma dupla de cantoras que fez sucesso em 2018, e Manuela é a primogênita de Eliana, nascida em 2017, fora a popular atriz adolescente Larissa Manoela, quase onipresente na internet — o BabyCenter considera nomes de grafia parecida como um só, como neste caso, para facilitar a contagem.

Falando em Larissa Manoela, o nome de sua afilhada, Antonella, é um dos que mais cresceu entre as alcunhas femininas, subindo 14 posições na lista. Tanto que o site responsável pelo levantamento o aponta como uma das tendências para 2019, assim como as derivações e outros nomes de sonoridade parecida: Fiorella, Ariela, Micaela, Anabela e Donatella.

 

Confira como ficou o top 10:

1. Helena

2. Alice

3. Laura

4. Manuela

5. Valentina

6. Sophia

7. Isabella

8. Heloísa

9. Luiza

10. Júlia

 

Outras tendências para 2019

Além das que já mencionamos, o BabyCenter aposta que “primos” de Gael ficarão mais famosos ano que vem. Entram na lista Rael, nome que a atriz Ísis Valverde escolheu para seu filho, Kael, Kalel, Eliel, Fael, Joel, Abel e Lael.

Nomes curtos internacionais também devem ganhar notoriedade, como Noah, que já subiu no ranking este ano, Adam, Dylan, Ben, Liam Ethan e Taylor. Para as meninas, Emma é uma das apostas — o nome está no top 5 dos Estados Unidos, Alemanha e França. Chloe, Mia e Zoe, o escolhido por Sabrina Sato para batizar sua pequena recém-nascida, também devem se tornar mais comuns no ano que vem. É esperar para ver!




Compartilhar: FACEBOOK